Em São Gonçalo no RJ, IML identifica nove mortos depois de confrontos

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Os corpos foram localizados em uma área de mangue, por moradores da comunidade, que os tiraram de lá, os levaram para uma rua junto às casas e os cobriram por panos.

O Instituto Médico Legal (IML) do bairro de Tribobó, em São Gonçalo, concluiu a identificação de nove mortos nos confrontos entre a polícia e criminosos no fim de semana, no Conjunto de Favelas do Salgueiro, em São Gonçalo, região metropolitana do Rio de Janeiro. 

De acordo com a Secretaria de Estado de Polícia Civil do Rio de Janeiro, foram mortos Carlos Eduardo Curado de Almeida, Ítalo George Barbosa de Souza Gouvêa Rossi, Élio da Silva Araújo, Rafael Menezes Alves, David Wilson Oliveira Antunes, Kauã Brenner Gonçalves Miranda, Jhonata Klando Pacheco e Douglas Vinícius Medeiros de Souza.

.

Os corpos foram localizados em uma área de mangue, por moradores da comunidade, que os tiraram de lá, os levaram para uma rua junto às casas e os cobriram por panos. Além dos oito encontrados no manguezal, o IML identificou Igor da Costa Coutinho. Baleado, o homem que foi socorrido, mas morreu, é apontado como um dos participantes do confronto de sábado (20), que resultou na morte do sargento lotado no 7º Batalhão da Polícia Militar (BPM) (São Gonçalo), Leandro Rumbelsperger da Silva, de 38 anos. Conforme a secretaria, cinco dos nove mortos tinham antecedentes ou anotações criminais.

.

Fonte: https://www.otempo.com.br/brasil/iml-identifica-nove-mortos-depois-de-confrontos-em-sao-goncalo-no-rio-1.2573958