Taxa de transmissão da Covid-19 volta a subir em Minas após feriado

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Ao mesmo tempo, o indicador da ocupação dos leitos de UTI voltados para o novo coronavírus caiu quase 8% desde a última sexta-feira (12).

Nas últimas 24 horas, Minas Gerais registrou dez mortes em decorrência da Covid-19. As informações são do boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) na manhã desta quarta-feira (17).

Até o momento, 55.952 pessoas perderam a vida para a doença no Estado. Também nas últimas 24 horas, foram registrados 733 novos casos da doença. A média da idade de óbitos confirmados pela doença é de 67 anos. Segundo, a SES,  70% dos óbitos ocorreram com pessoas de 60 anos ou mais.

A pasta destaca que os números podem não retratar a ocorrência real de novos casos e óbitos no período, mas, sim, de ocorrências notificadas. No total, 2.197.989 pessoas já testaram positivo para o coronavírus em Minas. Destas, 2.124.097 são consideradas recuperadas. Elas atendem a três pré-requisitos: estão há 72 horas assintomáticas; receberam alta hospitalar e/ou cumpriram isolamento domiciliar de dez dias; e estão sem intercorrências.

Belo Horizonte voltou a ter a taxa de transmissão da Covid-19 no nível amarelo de alerta no último dia 16, segundo o Boletim Epidemiológico divulgado pela Prefeitura de Belo Horizonte (PBH). Entretanto, os outros dois indicadores, da ocupação de leitos de UTI e enfermaria voltados para a doença, apresentaram quedas e seguem no nível verde.

O Número Médio de Transmissão por Infectado (RT) chegou a 1,01, atingindo o nível amarelo quando fica acima de 1. Isso significa que, a cada 100 pessoas contaminadas pelo novo coronavírus, 101 acabam pegando a doença. Na sexta-feira (12) o fator estava em 0,98.

Por outro lado, os índices de ocupação dos leitos apresentaram reduções expressivas. O maior deles foi justamente aos leitos de UTI, passando de 48,2% na sexta para 40,4% nesta terça-feira. Já a ocupação dos leitos de enfermaria chegou a 42,8%, enquanto na sexta o registro foi de 46,4%.

Na semana passada a ocupação dos leitos de UTI voltava ao nível de alerta após 75 dias no nível verde. No dia, o indicador estava em 50,8% de leitos ocupados.