Cinco pessoas suspeitas de proteção montada para Lázaro Barbosa, são indiciadas pela Polícia de Goiás

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Os cinco indiciados são a mulher de Lázaro, a ex-companheira, a ex-sogra, um fazendeiro e um caseiro da região.

A Polícia Civil de Goiás indiciou nesta terça-feira (27) cinco pessoas suspeitas de fazerem parte da rede de proteção montada para dar apoio a Lázaro Barbosa de Sousa, 32, morto em 28 de junho em Águas Lindas de Goiás (GO) após 20 dias de buscas das forças de segurança do estado.

.

Os cinco indiciados são a mulher de Lázaro, a ex-companheira, a ex-sogra, um fazendeiro e um caseiro da região. O criminoso acumulava quatro mandados de prisão quando foi localizado e morto após confronto com a polícia.

.

Lázaro, segundo as autoridades de Goiás, assassinou um casal e dois filhos em Ceilândia no início de junho. Também baleou três pessoas em Cocalzinho de Goiás.

.

O delegado responsável pelo inquérito, Cléber Martins, da 17ª Delegacia Regional da Polícia Civil de Goiás, afirmou que todos contribuíram para que o criminoso conseguisse escapar do cerco.

.

Segundo ele, as provas obtidas na investigação indicaram que as pessoas colaboraram para que Lázaro não fosse capturado pelas forças policiais.

.

Fonte: https://www.otempo.com.br/brasil/policia-de-goias-indicia-5-por-suposta-ajuda-a-serial-killer-lazaro-barbosa-1.2518837