Volta às aulas presenciais será permitida em cidades na onda vermelha em MG

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Decisão foi tomada pelo governo do Estado na manhã desta quinta-feira (1º)

A volta às aulas presenciais na rede estadual será permitida na onda vermelha do Minas Consciente, anunciou na tarde desta quinta-feira (1º) a Secretaria Estadual de Educação de Minas Gerais (SEE-MG). A medida vale para alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental. 

O anúncio acontece uma semana depois que o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) recomendou que o governo federal adotasse providências que garantam o pleno funcionamento das aulas presenciais, nos mesmos moldes do que ocorre em relação a outras atividades presenciais coletivas. Foi dado ao governo o prazo de 10 dias para apresentar as providências.

O retorno só não será autorizado apenas na onda roxa e nas macrorregiões na onda vermelha que se enquadram na classificação de Cenário Epidemiológico e Assistencial Desfavorável.

A volta às atividades presenciais continua sendo opcional, e as aulas remotas continuam para aqueles alunos que preferirem o modelo. A retomada depende ainda da autorização de cada município.

Os profissionais da educação devem retornar às escolas na segunda-feira (5), para preparar a recepção dos estudantes, e os alunos voltam no dia 12, uma semana depois. Os estudantes que tiveram dificuldade no acesso ao ensino remoto terão prioridade na volta às aulas presenciais.