Brasil receberá insumos para fabricação de 10 milhões de coronavac

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

O governador de São Paulo, João Doria, explicou que a China liberou envio dos insumos para o Butantan

O Instituto Butantan vai receber mais 6 mil litros de ingrediente farmacêutico ativo (IFA) para a produção da vacina Coronavac no próximo dia 28 de junho. Com isso, será possível produzir mais 10 milhões de doses do imunizante.      A informação foi anunciada nesta quarta-feira (2) pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB).

A fabricação da vacina Coronavac chegou a ser paralisada no dia 14 de maio e por mais de duas semanas no Brasil, devido à falta de insumos.

Atualmente, o Butantan está processando 5 milhões de doses a partir do último lote recebido da China, com 3 mil litros de IFA. Os imunizantes devem ser entregues para o Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde a partir do dia 8 de junho.