PM avaliou como positiva a operação realizada na região dos Inconfidentes

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on email
Email

Ações preventivas e repressivas foram realizadas na zona rural de Ouro Preto, Mariana, Itabirito e Diogo de Vasconcelos

A Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) realizou entre os dias 10 e 15 de maio, a Operação Campo Seguro em todo o Estado, com o objetivo de potencializar o policiamento ostensivo no meio rural, bem como das atividades de produtores do agronegócio e da agricultura familiar. Houve emprego maciço de todos os serviços do portfólio da PMMG, em especial a Patrulha Rural, o Policiamento de Meio Ambiente e o Policiamento Rodoviário. 

A Operação Campo Seguro teve foco efetivamente preventivo, com a finalidade de aproximar, ainda mais, a Polícia Militar da população rural e dos pequenos, médios e grandes produtores, por meio de visitas tranquilizadoras e de reuniões comunitárias.

Outro objetivo foi tentar estabelecer Redes de Proteção Rural. Na região do 52º Batalhão de Polícia Militar, o "Sentinela da Região dos Inconfidentes", a Operação foi efetuada na zona rural de Ouro Preto, Mariana, Itabirito e Diogo de Vasconcelos. Ao todo, foram lançados turnos com emprego de 57 viaturas e efetivo de 137 policiais militares. Foram registrados 128 boletins de ocorrências; abordados 75 veículos, dos quais 2 foram apreendidos; 106 suspeitos foram abordados, com 2 deles presos.

O Comando do 52º Batalhão avaliou como positiva a Operação Campo Seguro em sua área de recobrimento e ressalta que para informações e denúncias, o cidadão pode acionar a Polícia Militar por meio dos telefones 190 e 181 (Dique Denúncia Unificado), este último de forma anônima. Os moradores das zonas rurais podem contar também com o atendimento da Patrulha Rural do 52º Batalhão de Polícia Militar.